Raviolis de espinacas avec du queijo de cabrona

19 Setembro, 2013 § Comentários fechados em Raviolis de espinacas avec du queijo de cabrona

Primeiro vais preparar a massa e depois vai haver molho.
Numa pelengana vais meter, 150 g da branca, farinha de trigo sem fermento à qual aditas uma tequinha [ 50 g ] de sêmola de trigo, 2 ovos inteiros, não te esqueças de te livrar da casca. Vais agora por as mãos na massa e dar-lhe uns amassos, amassa, amassa, amassa até obteres uma bola uniforme, homogénea, macia mas firme. Enrola a bola em película aderente e deixa-a repousar 25 min. antes de a esticar.
Dá um escaldão aos epinafres até que fiquem tenros, escorre-lhe as águas e numa frigideira anti aderente deixa que se envolvam muito bem com o azeite virgem extra, alho em pó, flor de sal, uma colher de farinha maizena e um pouco de natas das gordas.
Tira-me a pele aos tomates; Parte-me os tomates em quarto; Espreme-me os tomates até te privares das grainhas; Corta-me os tomates em cubos; Junta-me os tomates num tacho com azeite virgem extra, uns dentes de alho, um pouco de cebola picada, polpa de tomate, um pouco de água lisa, coentros e manjericão frescos. Deixa cozinhar o molho de tomate demoradamente, em branda fervura, passa o molho com uma varinha mágica e de seguida adita-lhe uns tomates cereja escarchados e deixa cozinhar.
Agora vais estender a massa, corta a bola em 4, vais espalmar cada parte em cima dum pouco de farinha, vais esticar a massa bem fina com a ajuda de um rolo de massa ou de uma máquina para massas frescas, o importante é que fique fina, moldável, macia, contorcionista de circo, sem rasgões. Corta rectângulos de massa e recheia-os no centro, do meio para baixo, com os espinafres que preparaste previamente, umas rodelas do queijo de cabra e 3 ou 4 pinhões, puxa o lençol de massa [da parte de cima do rectângulo] sobre o recheio e fecha o casulo.
Numa panela com abundante água fervente e bem temperada com sal grosso, vais cozer os raviolis durante 3 ou 4 minutos. Escorre-lhe as águas, monta-os nos pratos e sobre eles deixa desmaiar o suculento e saboroso molho dos tomates. On top raspas no momento umas lascas de queijo parmesão. Até te lambes.
Acompanhante de luxo: EA colheita selecionada, tinto em copo fino.
DSC_3508_0124 copyDSC_3516_0132 copyDSC_3506_0122 copyDSC_3511_0127_fb

Tunarrito’s

24 Abril, 2013 § Comentários fechados em Tunarrito’s

Os wraps compra-os embalados e leva-os no pacote. Aventa com cada unidade para uma frigida[eira] anti-aderente bem quente e deixa-os bronzear, lado A e lado B. Ainda em quente enrola cada um, a um objecto cilindrico, para o efeito serve um copo e deixa-os arrefecer na forma. Arrefecido? Fá[lo] deslizar sobre o cilindro até o teres na mão, que ele mantém a forma.
Vamos preparar o molho. Numa gamela murcha a cebola roxa e um dente d’alho em azeite virgem extra, adita os tomates cereja e esmaga-os contra as bordas do tacho. Junta o filete de atum agora desfiado, um pouco de polpa de outros tomates, uma dose de feijão preto, sal, pimenta moída, umas gotas de picante Calvé quanto que te baste, baixa o fulgor do lume, põe a tampa e deixa-o em apuros cerca de 15 minutos.
Recheia os Tunarritos com a molhanga e porcima compõe com umas folhas de rúcula selvagem, umas amêndoas coco torradas e umas raspa[delas] de queijo de cabra bem curado.
Acompanhante de luxo: EA colheita seleccionada Tinto

Tortulhos Recheados com seus Talos e enteados

28 Outubro, 2012 § 0 comentários

Compra uns belos cogumelos [trá lá lá] tipo Paris, lava-os e arranca-lhe os Talos que vais transformar em picadinho. JunTalos numa gamela com azeite virgem extra, alhos porro laminado, courgette picada, chucha os tomates também eles picados, umas folhas de agrião d’água, adita o grosso sal, ervas de provence e deixa amolecer sem sacudir. As carapaças já estão viradas, salpicadas de flor de sal à espera do recheio num tabuleiro de forno, drapeado de azeite virgem extra. Recheia os tortulhos com o acumulado do pote. Cogumelos recheados aplica uma noz de maionese de ervas on top of each, umas lascas de queijo de cabrona ralada no momento [dica da semana: coloca o queijo de cabrona no congelador para que seja mais fácil de ganhar ralação], por fim compõe com uns oregãos esfregados no momento e siga para a sauna pré aquecida a 200º C durante 15 minutos aproximadamente.
Acompanha com uma salada de agrião e uvas brancas ao natural, apenas temperada com sal e um fio de azeite virgem extra 0,4 acidez máx. Acompanhante de luxo: Syrah da adega Cortes de Cima tinto.

 

Bruschetta: Solta a Franga sobre os Pimentos padron

24 Julho, 2012 § 0 comentários

Solta a franga dos ossos das peças de churrasco que sobejaram do fim de semana. Bronzea as lascas em óleo de oliva extra virgem, aquecendo-lhe as carnes. Corta-me os tomates cereja em rodelinhas, em rodelas é também cortado o queijo de cabra. Murcha-me os pimentos padron (spicy) em azeite virgem extra e sal grosso. Toca a montar a bruschetta: a fatia de pão alentejano torrado, um esfregasso de alho sobre o pão[deiro] quente, a franga desfiada soculenta e bronzeada, os padron, tomates e queijo. Pitada de 5 pimentas moídas no momento, tudo regado com azeite virgem extra e siga pó bucho. Acompanhante de luxo: Uma “mine” bem fresquinha. Não te esqueças de lamber os dedos no final.

Salada Cabrona com frutos secos melados

19 Julho, 2012 § 0 comentários

Uma mistura de alfaces de diferentes tipos e cor, é o que se quer para base desta salada. A juntar: umas finas fatias de manga madura, tomates cherry às rodelas cortados, pêssego careca de roer laminado, uns bocados de queijo de Cabrona vulgarmente conhecido por chévre vendido em rolinhos e uma mão cheia de frutos secos torrados [cajús e amendoins] e MELados. Prepara um vinagrette para temperar a salada com um pouco de mostarda savora, uma colher de mel de rosmaninho, sumo de meia lima, flor de sal tudo muito bem esgravulhado, por fim adita ao preparado o azeite virgem extra em fio para engrossar a molhanga. Acompanhante de luxo: Quinta do Barranco Longo – Branco Grande Escolha 2010, a 9ºC.

Salada verde de ameixas frescas com vinagrete de mel e lima

6 Julho, 2012 § 0 comentários

Para a salada: alfaces variadas, finas rodelas de ameixas roxas frescas, finas rodelas de chourição de porco preto, queijo corado de ovelha e cabra aos cubos, os tomates cereja em rodelas e miolo de noz.
Para o vinagrete: uma colher de chá de mostarda, uma colher de sopa de mel, uma pitada de flor de sal, sumo de uma lima. Esgravulha o molho muito bem. Bem esgravulhado o molho, verte o azeite virgem extra em fio afim de engrossar o lubrificante. Lubrifica a salada e chama a acompanhante de luxo: uma taça de vale dos barris branco – uva moscatel, bem geladinho.

Pizza 4 fromages & chouriço porco preto

1 Outubro, 2011 § 0 comentários

Estendes a massa e picas com um garfo, pincelas o plano com molho de tomate e manjericão desfeito no almofariz, polvilhas de parmesão ralado na hora, aventas com os nacos de queijo de cabra e a ralação do queijo emental, aplicas as fatias de mozzarella de búfala, os cogumelos guilhotinados, e o chouriço de porco preto cortado na espessura de uma folha de le papier, compõe com os tomates … cereja, umas raspadelas do moinho 5 pimentas e oregãos secos em folha. Segue viagem a 190 ºC. Vem de viagem cerca de 18 min. após. Ainda a fervilhar juntas umas folhas de rúcula selvagem e enfias pró bucho. Acompanhante de luxo: Herdade S. Miguel, tinto.

Figos com prosciutto crocante & Chevre

29 Setembro, 2011 § 0 comentários

Os figos cortados pela metade; arriba com presunto crocante anteriormente acabrunhado na anti-esturro, sobre o presunto, queijo de cabrita e segue para o Forno a 180 ºC até a cabra ficar morena. Sai da sauna e leva com umas feuilles de basílico em cima. Acompanhamento de luxo: Vale dos Barris Branco de uva moscatel. humm…