Cataplana de Bidião

12 Julho, 2012 § 0 comentários

O Bidião veio diretamente do mercado do Mindelo na ilha de S. Vicente (Cabo Verde), para a bancada do chefe. Ao soice Rena o Chefe agradece o sucedido. Filetes de Bidião sobre a tábua é temperá-los e deixá-los a marinar em  sal, pimentas moídas e um bom golo de vinho branco daquele mesmo bom. Abre a cataplana e já sem tampa, murcha-me as chalotas num bom azeite virgem, chucha[me] os tomates em rodelas, amolece[me] o pimento verde às tiras e adita vinho branco daquele mesmo bom, sal, uma malagueta de gindungo e uma boa quantidade de molho de tomate fresco aromatizado de ervas. Molho borbulhado junta as batatas (que podem variar entre doce, roxa e branca) cortadas às rodelas coloca-as em camadas, intercalando com rodelas de tomate e tiras de pimento em crú. Faz um molho de cheiros frescos, a saber: hortelã, coentros, salsa e manjericão e joga lá para dentro. Fecha a tampa da cataplana e deixa cozinhar em lume brando. 20 minutos passados salta-te a tampa e espeta a batata para aferir o estado de cozedura, rectifica o tempero se necessário. Junta os filetes de bidião no topo e uns camarões moçambicanos, volta a fechar a tampa e deixa cozinhar. Acompanhante de luxo: Herdade das Servas, Branco daquele mesmo bom, bem geladinho.

Tagged , , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.